Polícia Civil paralisa atividades apartir desta segunda-feira

A paralisação da categoria inicia meia-noite desta segunda

A Polícia Civil do Piauí vai paralisar suas atividades por até 72h a partir da meia-noite desta segunda-feira (20). A revindicação é por conta da equiparação salarial dos delegados e escrivãos.

"Ano passado paralisamos por 16 dias, em junho, que culminou com um processo no Tribunal de Justiça, em que o Governo se comprometeu a honrar 13 itens que reivindicamos. O item sete, por exemplo, tratava de questões salariais, sobre o maior e menor salário, e não fomos atendidos”, declara Constantino Jr, presidente do Sinpolpi.

A decisão da paralisação aconteceu após realização de assembleia da categoria na última terça-feira (14) na Central de Artesanato Mestre Dezinho, em Teresina.


Com a paralisação, crimes como furtos não serão registrados e não haverá investigações. “Nós vamos centrar a paralisação nas investigações, principalmente em delegacias de bairros. A Central de Flagrantes, por exemplo, atenderá apenas roubo, latrocínio, estupro, homicídio e crimes contra idoso e criança, com registro de boletim de ocorrência. Mas não iremos investigar, exceto em casos de flagrantes”, explica o presidente do Sinpolpi.


Fonte: Portal MN