Polícia Civil prende suspeito de matar um taxista com ao menos 25 facadas

A juíza Nayana Scherer decretou também a prisão preventiva de Damião e de outras pessoas que estavam no táxi

A Polícia Civil de Santa Catarina prendeu nesta terça-feira o suspeito de ter assassinado um taxista com 25 facadas na cidade de Araquari, norte do Estado, durante o Carnaval. Damião da Silva Santos Lago, 23 anos, confessou ter desferido as facadas nas costas do motorista Miguel Ramos Martins, 51 anos.

A juíza Nayana Scherer decretou também a prisão preventiva de Damião e de outras pessoas que estavam no táxi: sua irmã Daniela da Silva Santos Lago, 21 anos, e Kamila Alves da Veiga, 22 anos. Uma adolescente de 16 anos que estava com o suspeito foi apreendida, mas deve ser liberada ainda nesta terça. Todos saíram de uma boate em Joinville e seguiram para a cidade vizinha no táxi de Miguel.

O crime ocorreu na madrugada de segunda-feira, entre os municípios de Joinville - onde o taxista trabalhava - e Araquari. De acordo com a Polícia Civil, o assassinato ocorreu ao fim da corrida, após uma discussão, já que a vítima não teria troco para uma nota de R$ 100.

O delegado responsável pelas investigações, Rodrigo Aquino Gomes, informou que Damião já possuía passagens pela polícia por crimes de roubo em seu Estado natal, o Maranhão.

Fonte: Terra