Polícia descobre que jovem forjou assalto para não se casar mais

O caso aconteceu em Oeiras.

A delegacia de Oeiras realizou uma investigação sobre um assalto ocorrido na tarde desta sexta-feira (12), no Centro da cidade. Na ocorrência, uma jovem teria sido supostamente assaltada por dois criminosos em uma moto e os acusados subtraíram o valor de R$ 5 mil.

Após diligências, a polícia constatou que tudo foi forjado pela suposta vítima. Isso porque os agentes desconfiaram da veracidade do fato já que ela disse ter sido assaltada às 15h e o B.O só foi registrado às 17h.

A partir de então a polícia ouviu pessoas mais próximas que estavam no local onde a mulher disse ter sido assaltada. Após interrogações, os moradores afirmaram que não tinham visto nenhuma movimentação diferente no horário citado.

Após muitas contradições e um intenso questionamento da polícia, a mulher confessou que inventou o roubo porque o dinheiro seria usado para pagar as despesas do seu casamento e inventou a história porque não queria mais casar. A vítima, que agora é acusada, será indiciada por denúncia caluniosa.

Fonte: Com informações do Mural da Vila