Polícia divulga imagens da morte de delegado na porta de sua casa

Polícia divulga imagens da morte de delegado na porta de sua casa

Euclides Batista de Souza foi morto na porta de casa, em Itaquera; DHPP disponibilizou apenas frames do vídeo de câmeras de segurança

A Polícia Civil divulgou, na tarde desta sexta-feira (31), imagens da ação dos assassinos do delegado Euclides Batista de Souza, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O crime aconteceu na noite de quarta-feira (29), na frente da casa do policial, em Itaquera, na Zona Leste de São Paulo.

As imagens do circuito de segurança da residência e da vizinhança mostram o momento em que o delegado, que era titular da Divisão de Proteção à Pessoa do DHPP, desce do carro e abre os portões. Outro veículo passa lentamente perto de Souza. O delegado Jorge Carrasco, diretor do DHPP, disse suspeitar que os assassinos estavam neste automóvel. ?Os dois vieram em seguida, da direção de onde o carro passou?, afirmou.

Quando ia fechar uma das folhas do portão, ele é abordado por um dos criminosos, que saca a arma. O delegado reage e é baleado. O assassino e o comparsa saem correndo em seguida. O diretor do DHPP disponibilizou apenas alguns frames da filmagem, pois considera que o registro total é chocante.

Por ser de baixa resolução, não é possível por meio do vídeo reconhecer os criminosos. Carrasco, porém, acredita que a divulgação auxilie a encontrar os assassinos. ?Peço que a população nos ajude através do Disque-Denúncia [181]. O sigilo é garantido.?

O delegado acrescentou que não descarta nenhuma hipótese da motivação do crime. Ele disse acreditar, porém, que, com base nas imagens, seu colega tenha sido vítima de um crime de ocasião, no caso um latrocínio [roubo seguido de morte].

Euclides Batista de Souza tinha 53 anos, era casado, com filhos. Havia começado a carreira como policial militar e depois prestou concurso para ingressar na Polícia Civil. Em seu currículo estão investigações de crimes de repercussão, como a que levou à prisão do motoboy Francisco de Assis Pereira, o ?maníaco do parque?. ?É questão até de honra nossa logo saber a autoria desse crime e a motivação?, disse Carrasco.


Polícia divulga imagens do assassinato de delegado morto na porta de casa

Imagens da câmera de segurança mostram quando delegado chega em casa (Foto: Reprodução)

Fonte: G1