Polícia do MA apura se sequestro é motivo de sumiço de empresário

O desaparecimento do empresário repercutiu até na imprensa nacional.

O delegado Carlos Alberto Brasil e uma equipe de agentes da Delegacia Regional de Imperatriz estão investigando o desaparecimento do empresário Sandes Emanoel Queiroz da Silva, de 26 anos, como sequestro.


Polícia do MA apura se sequestro é motivo de sumiço de empresário

O jovem empresário sumiu na terde da última sexta-feira (18). Segundo informações do empresário Paulo Roberto, sogro de Sandes, ele foi visto pela última vez quando estava na agência do Bradesco do Entroncamento (área central de Imperatriz).

Um homem, identificado apenas pelo prenome de Francisco, que também atende por ?Chiquinho?, foi a última pessoa que esteve com Sandes antes de ele desaparecer. Chiquinho foi intimado para depor e disse ao delegado Carlos Alberto Brasil que havia deixado Sandes na agência bancária e depois não mais o viu. Outras pessoas também foram ouvidas pelo delegado.

Sandes tem como atividade a compra e venda de carros. Ele é apaixonado por motocicletas e pertence ao Clube de Motos de Imperatriz, no qual é inscrito pelo grupo ?Bando de Lisos?.

Nos últimos dias, segundo informações, Sandes teria adquirido um veículo de luxo e uma motocicleta de mil cilindradas.

A primeira linha de investigação da polícia é de que o empresário possa ter sido vítima de sequestro e levado para algum cativeiro na região, mas nenhum contato foi feito com a família por possíveis sequestradores.

Qualquer informação que possa ajudar a esclarecer o paradeiro do jovem Sandes pode ser passada pelo telefone (99) 3525-1545 (Polícia Civil de Imperatriz) ou 190 (Polícia Militar).

Fonte: O Imparcial