Polícia encontra duas mulheres, R$ 13 mil e drogas em presídio masculino

Parte do dinheiro estava com um detento e o resto dentro de um veículo.

Uma operação policial na manhã desta terça-feira (4) vistoriou os detentos do Instituto Penal de Viamão (IPV), na Região Metropolitana de Porto Alegre. Conforme a delegada Adriana Regina da Costa, que coordenou a ação, foram apreendidos R$ 13 mil em poder de dois detentos.

A polícia encontrou também duas mulheres dentro dos alojamentos da penitenciária masculina, além de drogas, uma pistola, um revólver calibre 38 e celulares. A casa prisional é a maior do regime semiaberto no Rio Grande do Sul.

"Cerca de R$ 8 mil estavam no bolso de um dos detentos. O resto do dinheiro foi encontrado dentro de um veículo que pertence a um dos presos. O carro está com o chassi adulterado e uma investigação vai apontar se é roubado ou não. O veículo estava estacionado dentro do Instituto Penal de Viamão", disse a delegada.

A ação começou às 5h desta terça-feira (4). A quantidade de drogas e celulares encontrada ainda não foi divulgada. As duas mulheres foram surpreendidas pela polícia quando deixavam o interior do IPV. Segundo a delegada Adriana Costa, uma delas era menor de idade e a família a tinha como desaparecida.

"Elas prestaram depoimento. A menor disse que estava visitando um namorado, que estava preso lá dentro. Ela será entregue aos familiares, que haviam registrado na polícia o desaparecimento dela. A maior disse que fazia programa com os presos do Instituto Penal de Viamão", disse a policial.

Além da Polícia Civil, a vistoria mobilizou policiais militares, agentes da Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe) e Instituto Geral de Perícias (IGP). Em janeiro, uma revista no IPV revelou a falta de segurança no local. Os agentes penitenciários encontraram armas até no pátio. Na ocasião, seis mulheres estavam na casa prisional. Em razão dos problemas, a Justiça proibiu o ingresso de novos detentos.

Fonte: G1