Polícia faz buscas no sítio do goleiro Bruno em Minas

Polícia faz buscas no sítio do goleiro Bruno em Minas

Jogador é suspeito de envolvimento no desaparecimento de jovem

Por volta das 16h30 desta segunda-feira (28), a polícia entrou no sítio do goleiro do Flamengo Bruno, em Esmeraldas (MG), para escavar a área em busca do corpo de Eliza Samudio, desaparecida há três semanas. Cinco carros da polícia estão no sítio.

A delegada Alessandra Wilke disse em coletiva à imprensa que a jovem teve um relacionamento com o jogador no ano passado e alegava que o atleta é pai de um bebê de 4 meses.

De acordo com a polícia, o sumiço da jovem começou a ser investigado depois de denúncias de que ela havia sido agredida no sítio que pertence ao jogador. Ainda segundo a delegada Alessandra, Bruno é suspeito de envolvimento no desaparecimento de Eliza.

Dayane Fernandes, mulher do goleiro Bruno, teria dito, em depoimento à polícia, que a jovem Eliza abandonou o filho de 4 meses. O bebê foi encontrado pela polícia na madrugada de sábado (26), com uma senhora desconhecida, e entregue a Luis Carlos Samudio, pai de Eliza, no domingo (27).

Dayane chegou a ser levada à delegacia na sexta-feira (25). Alessandra afirma que, depois de entrar em contradições, a mulher do jogador contou que escondeu o bebê a pedido de um amigo do goleiro. Dayane teria dito que Eliza deixou o filho com Bruno. A delegada, entretanto, diz que a madrasta de Eliza, que também prestou depoimento, não acredita na possibilidade de abandono.

A delegada se reuniu na manhã desta segunda-feira com três outros delegados, para falar sobre as informações que já foram colhidas. A polícia também já ouviu funcionários do sítio de Bruno e amigas de Eliza.

Fonte: g1, www.g1.com.br