Polícia Civil faz a terceira perícia para verificar velocidade em carro de Thor Batista

Polícia Civil faz a terceira perícia para verificar velocidade em carro de Thor Batista

Filho de Eike Batista atropelou e matou homem de 30 anos em rodovia

A Polícia Civil realizou, na manhã deste sábado (24), a terceira perícia no veículo Mercedes Mclaren, de Thor Batista, filho de Eike Batista. O estudante atropelou e matou um ciclista na Rodovia Washington Luis, na Baixada Fluminense, no último sábado (17).

O objetivo dos peritos é verificar a velocidade em que o veículo estava quando atingiu o ciclista Wanderson Pereira Santos, de 30 anos. Segundo a polícia, foram realizadas várias medições no lado interno e externo do carro e nos pontos onde a bicicleta se chocou contra o Mercedes do estudante.

O delegado titular da 61ª DP (Xerém), Mario Arruda, vai continuar a ouvir outras possíveis testemunhas do acidente no inquérito policial. O laudo deverá ficar pronto em até 30 dias, de acordo com a Polícia Civil.

Laudo aponta que vítima consumiu álcool

O laudo do exame toxicológico do ciclista Wanderson Pereira dos Santos apontou a presença de 15,5 dg/L (decigramas por litro) de álcool no sangue. As informações foram confirmadas pela Polícia Civil na tarde de sexta-feira (23).

O exame foi feito por peritos do Instituto Médico Legal (IML), e divulgado pela delegacia de Xerém, responsável pelo caso.

O acidente aconteceu na pista sentido Rio. Segundo o advogado Celso Vilardi, que defende o filho do bilionário, Thor estava trafegando dentro da velocidade permitida no local do acidente, e não ingeriu álcool antes de dirigir. O jovem estava acompanhado de um amigo, que também passou pelo teste do bafômetro. O delegado já descartou a hipótese de homicídio doloso.

Fonte: G1