Polícia investiga estupro de jovem em baile

Polícia investiga estupro de jovem em baile

Policia investiga duas pessoas suspeitas de estuprar uma adolescente

A Polícia Civil em Sorocaba, a 92 km de São Paulo, investiga duas pessoas suspeitas de estuprar uma adolescente de 14 anos durante um baile de debutante na madrugada de sábado (22). Ela sofreu ferimentos em razão da violência e foi submetida a uma cirurgia.

Os suspeitos trabalham em uma empresa contratada para a festa, que aconteceu no Clube Ipanema, no Centro da cidade. Segundo o delegado Celso de Souza Araújo, assistente da Delegacia Seccional de Sorocaba, a jovem deverá fazer reconhecimento de um dos homens. ?Chegando ao autor, pediremos a prisão temporária?, relatou o policial ao G1 nesta segunda-feira (24).

De acordo com a polícia, a adolescente, que é amiga da aniversariante e foi convidada para dançar a valsa com outras colegas, procurava seu celular quando foi agarrada pelo estuprador, um homem alto, magro e barbado. A jovem contou que ele a levou para o banheiro masculino, perto do palco, e a violentou.

Lá, ela conta ter gritado por socorro, mas não foi ouvida. Durante o estupro, foi agredida e ferida. Após ser abandonada pelo agressor, ela não foi socorrida de imediato pelos responsáveis pela festa. Um integrante do cerimonial avisou a família e a mãe da adolescente foi ao local. Por causa dos ferimentos, a jovem passou por cirurgia reparadora no Hospital Regional, mas já teve alta.

Bebidas

Antes do estupro, a vítima ingeriu bebida alcoólica. Segundo o delegado Araújo, a polícia irá investigar a disponibilidade de bebidas aos adolescentes na festa. ?Vamos apurar em que circunstância os adolescentes tiveram acesso a bebida alcoólica. Pode ter sido servida pelos organizadores ou um maior pode ter fornecido?, disse.

Procurados pelo G1, representantes do clube Ipanema disseram que a direção levanta o que ocorreu e que ainda não tem um posicionamento a respeito do ocorrido.

Fonte: g1, www.g1.com.br