Polícia investiga morte de médica sequestrada na Bahia

A mãe da médica, que mora em São Paulo, chegou a Salvador e foi direto para o Instituto Médico Legal

A polícia investiga a morte de uma médica de 39 anos que foi encontrada morta, na quinta-feira (6), na região de São Sebastião do Passé (BA). A suspeita é que ela e a filha foram sequestradas depois que saíram de um shopping, onde foram fazer compras para o Dia dos Pais.

A mãe da médica, que mora em São Paulo, chegou a Salvador e foi direto para o Instituto Médico Legal, onde está o corpo da filha. A paulistana, de 39 anos, vivia na capital baiana desde 1999.

Ela e a filha desapareceram na manhã de quinta-feira. O carro foi encontrado perto da BR-374 por volta das 15h, com a menina. Horas depois, o corpo da médica foi achado em uma estrada de terra.

A criança passou a tarde em um posto da Polícia Rodoviária Federal e só voltou para casa à noite, nos braços do pai.

Apenas a carteira da médica foi roubada. Joias e outros objetos de valor ficaram dentro do carro. A polícia ainda não sabe quantos criminosos participaram do sequestro e do assassinato.

Fonte: g1, www.g1.com.br