Polícia investiga morte de músico durante assalto

Ele foi baleado ao reagir a assalto na porta da casa da namorada, em Bangu.

A Polícia Civil do Rio investiga a morte do músico Fernando Barangertusem, de 24 anos. O crime ocorreu em Bangu, Zona Oeste da cidade, em julho deste ano. O jovem era vocalista da banda Gambrinus 74 e foi baleado após reagir a um assalto, em frente à casa da namorada, na Rua Capitão Verdier. A família divulgou o retrato falado do suspeito, feito pela Divisão de Homicídios (DH).

Segundo Alexandre Freire, tio de Fernando, o casal estava discutindo no portão, quando um homem os abordou em uma moto. O músico teria dito para a namorada correr e deixá-lo "resolver sozinho". O assaltante atirou contra Fernando e, em seguida, fugiu sem roubar nada.

A Polícia Civil confirmou que a Divisão de Homicídios fez um retrato falado do suspeito e que os agentes estão realizando diligências para tentar identificar o criminoso. Testemunhas do caso foram ouvidas na delegacia.

A família do jovem reclama que o caso está na Divisão de Homicídios desde julho, mas até agora as investigações não foram concluídas.

Ao G1, a Polícia Civil informou que entende a ansiedade da família, mas que alguns casos são mais fáceis e outros mais complexos de serem concluídos. Por meio da assessoria de imprensa da corporação, o delegado Alexandre Herdy afirmou que o inquérito da morte do músico Fernando Barangertusem, especificamente, "está bem complicado".


Polícia investiga morte de músico na Zona Oeste no Rio

Polícia investiga morte de músico na Zona Oeste no Rio

Fonte: G1