Polícia mata 2 suspeitos de assassinar delegado

Polícia mata 2 suspeitos de assassinar delegado

Um criminoso conseguiu fugir após troca de tiros com a polícia

Dois suspeitos do assassinato do delegado José Antônio Zuba Oliva foram mortos em um confronto com a polícia em Pirabeiraba, em Santa Catarina, nesta quinta-feira (26). Um terceiro suspeito conseguiu fugir.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Paraná, um policial rodoviário em Guaratuba (PR) abordou três homens em um ponto de ônibus na PR-412. O trio atirou no policial, que conseguiu se esconder atrás das árvores. Na troca de tiros, um suspeito foi ferido.

Os criminosos pegaram o carro da polícia e fugiram em direção a Garuva (SC). Na fuga, eles abandonaram o carro e pegaram outro veículo em uma casa da região. Uma mulher foi mantida refém e obrigada a dirigir para o grupo.

Um helicóptero da Polícia Militar de Santa Catarina localizou o veículo dos fugitivos, que logo foi cercado pela PM em Joinville (SC). Em nova troca de tiros, dois suspeitos foram mortos. O terceiro fugiu a pé e está sendo procurado pela polícia.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Paraná, a motorista do carro também foi baleada e está internada no Hospital São José, em Joinville, em estado grave.

O delegado José Antonio Zuba Oliva foi morto durante o expediente, na terça-feira (24). Ele e mais duas investigadoras foram até um camping verificar uma denúncia de que havia um grupo armado no local. A equipe foi recebida a tiros. Um funcionário público que estava com os policiais também morreu.

Um homem foi preso logo depois do crime. Segundo a polícia, ele é fugitivo de uma delegacia de Niterói (RJ) e teria confessado participação no crime.

Fonte: g1, www.g1.com.br