Polícia prende homem acusado de ter 'caso' com criança

O acusado fazia promessas de que ia namorar e casar com a menina.

A Polícia Civil da cidade de Paulistana (450 km de Teresina), prendeu um homem  que não teve a sua identidade revelada suspeito de ter tido um ‘caso’ com uma criança de 10 anos no município de Betânia. O investigado teria sido pego em atitudes suspeitas pelo próprio pai da criança, que denunciou o fato ao conselho tutelar e à Polícia Civil.

Segundo informações da delegacia, o fato vinha sendo investigado a um certo tempo, acarretando em outivas de diversas testemunhas e requisições periciais de exame sexológico, sendo que tais exames foram feitos na cidade de Picos por um perito médico legal. “A conclusão dos exames nos trouxe a prova de que a criança vinha mantendo relações sexuais com certa frequência, não se tratando apenas de um fato isolado, ocasião em que a menor contou em detalhes para o perito, que tinha um relacionamento amoroso com o acusado”,  comentou o delegado Otony Neto.

E ainda, conforme informações de familiares, a adolescente teria sido iludida já que o acusado fazia falsas promessas para a vítima no sentido de namorar sério e casar com ela. O homem por sua vez, negou os fatos, e apontou uma terceira pessoa, a qual foi investigada, porém, não há elementos robustos que o ligue aos crimes.

“Ainda que eventualmente ela tivesse mantido conjunção carnal com terceira pessoa, tal fato não retiraria a responsabilidade criminal do acusado, de maneira que o indiciamos por estupro de vulnerável em situação de crime continuado, e remetemos o inquérito ao poder judiciário”, afirmou o delegado. O delegado finalizou o inquérito e agora o caso está com a Promotoria de Justiça.


Fonte: Com informações do Blog do Evangelista