Polícia prende pai e filho, suspeitos de matar ator no RJ

O ator foi morto com golpes de taco de beisebol no início de junho

Policias da Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro prenderam, nesta segunda-feira(12), Raul Soares Neto, de 46 anos, e Lucas Almeida Soares, de 21 anos. Os dois, pai e filho, foram indiciados pela morte do ator Eliton Torres, de 23 anos, morto com golpes de taco de beisebol no início de junho.

Eliton comemorava o aniversário quando teria sido golpeado na cabeça por Lucas Soares. De acordo com testemunhas, Raul presenciou a agressão e apontou uma arma para a vítima. O crime aconteceu na Rua Nogueira da Gama, em São Cristóvão.

Polícia prende pai e filho, suspeitos de matar ator no RJ
Polícia prende pai e filho, suspeitos de matar ator no RJ


O jovem foi levado para o Hospital municipal Souza Aguiar, no Centro, mas não resistiu aos ferimentos e morreu três dias depois. Raul era assessor parlamentar do deputado estadual Chiquinho da Mangueira, mas foi exonerado após o episódio.

Eliton, que morava na casa da mãe, em Ramos, decidiu festejar com amigos de infância nas ruas de São Cristóvão, bairro onde nasceu e foi criado. Ele havia confraternizado em um bar mais cedo e, por volta de meia-noite, encontrou-se com três amigos na Rua Nogueira da Gama. Separou-se rapidamente do grupo para comprar uma cerveja na esquina e, na volta, passou em frente à casa de Lucas, com quem tinha uma antiga desavença.

Polícia prende pai e filho, suspeitos de matar ator no RJ
Polícia prende pai e filho, suspeitos de matar ator no RJ


Fonte: Com informações do Extra
logomarca do portal meionorte..com