Polícia prende presidente de Câmara do PI e estudante de direito

Prisão foi feita na 'operação blindado' no Sul do Piauí.

A Polícia Civil do Estado do Piauí, através do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), desencadeou nesta quinta-feira (03) a ‘operação blindado’, destinada a desarticular organização criminosa responsável pela prática de roubos a carro forte e outros crimes no Sul do Piauí. Sete pessoas foram presas  nas cidades de Teresina, Alvorada do Gurgueia, Eliseu Martins, Socorro do Piauí e Brejo do Piauí.

De acordo com informações, dentre os presos está o Presidente da Câmara dos Vereadores de Socorro do Piauí e uma estudante de direito de Teresina que não tiveram a sua identidade revelada.

Segundo a Greco, o papel do vereador na quadrilha era de repassar informações privilegiadas aos assaltantes. “Ele era o responsável por mandar dados para que o restante pudesse executar os roubos e assaltos a veículos. Todos os sete presos pertenciam a grupos diferentes, um agia sempre no crime de assalto a carros fortes mais especificadamente em Alvorada do Gurgueia e os outros realizavam outros tipos de assaltos nas outras cidades citadas”, afirmou o delegado.

Ainda segundo informações, um dos crimes que a quadrilha está envolvida é o assalto a um funcionário de uma lotérica que transportava dinheiro em Socorro do Piauí e o roubo do carro do prefeito da cidade, Laerte Moraes.

A Polícia Civil vai realizar uma entrevista coletiva ao meio-dia para repassar mais informações sobre as prisões.

Fonte: ASCOM