Polícia prende quadrilha planejava explodir carro-forte para roubar R$ 6 milhões no MA

Polícia prende quadrilha planejava explodir carro-forte para roubar R$ 6 milhões no MA

Grupo agia como as volantes que aterrorizavam o Nordeste

No Maranhão, foi presa uma quadrilha de assaltantes de banco que aterrorizava o Nordeste, e planejava até explodir um carro-forte para roubar R$ 6 milhões. A Polícia Federal (PF) cercou o bando em uma fazenda, a 2 km do município de Santa Inês, na região central do Maranhão. Os 11 homens são de Cabrobó, sertão pernambucano, e há um mês vinham se preparando para um novo assalto.

O plano foi frustrado porque eles estavam sendo monitorados. As investigações apontam que a quadrilha foi responsável por vários assaltos a banco. “A quadrilha sempre atuava nos modelos de antigamente, daquelas volantes do interior do Nordeste que barbarizavam as cidades. É uma das quadrilhas mais perigosas que existem no Nordeste”, diz Fernando Segóvia, superintendente da PF-MA. Uma das ações mais marcantes do grupo foi no começo do ano, em Pedra Branca, no Ceará.

Era dia de pagamento e os bancos estavam lotados. A quadrilha usou reféns durante a fuga, levando mais de R$ 500 mil. O arsenal encontrado no esconderijo no Maranhão inclui armamento de uso restrito das Forças Armadas: fuzis, escopetas e pistolas. Também foram apreendidas fardas militares e máscaras. Grupo queria roubar R$ 6 milhões

Os bandidos se preparavam para roubar uma remessa de R$ 6 milhões que seria levada a prefeituras no Maranhão. O plano era montar uma emboscada e explodir o carro-forte. Para isso, segundo a polícia, os bandidos iam usar quatro cilindros de dinamite, suficientes para explodir um prédio de 4 mil metros quadrados. Na noite desta sexta-feira (14), os presos foram levados para São Luís, onde serão interrogados.

Fonte: g1, www.g1.com.br