Polícia prende suspeito de espancar jovem até a morte em saída de boate

Polícia prende suspeito de espancar jovem até a morte em saída de boate

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, o suspeito, que não teve o nome revelado, teve a prisão temporária por cinco dias decretada.

A Polícia Civil de São Paulo prendeu, na manhã deste sábado, um dos suspeitos de espancar Ewerton de Castro Nogueira, 25 anos, até a morte na saída de uma boate na zona leste de São Paulo no último domingo. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, o suspeito, que não teve o nome revelado, teve a prisão temporária por cinco dias decretada.

Outro suspeito, já identificado pela polícia, ainda é procurado pelos policiais do 21 ºDP, na Vila Matilde.

Câmeras de segurança da casa noturna Vitrini Show, na Vila Matilde, registraram uma confusão na qual se envolveu o vendedor Ewerton no dia de sua morte. A câmera, que fica perto do caixa, registra uma briga generalizada. O relógio da filmagem regoistra 3h28, mas a polícia diz que o horário verdadeiro era 4h28. Segundo a Polícia Civil, Ewerton teria saído da boate e resolveu voltar, quando a confusão começou.

Após a briga, uma equipe de segurança aparece levando o jovem por um corredor. Por volta das 4h31, outra imagem mostra o vendedor correndo na rua, entre os carros e sendo perseguido por um grupo de pessoas. Após este momento, a câmera não registra mais o vendedor.

Fonte: Terra