Polícia prende suspeito de matar jovem para roubar celular em Goiás

Murilo tinha acabado de sair de um treinamento em uma empresa

Um homem suspeito de matar um estudante para roubar o celular dele está preso, anunciou a Polícia Civil de Goiás. Murilo Henrique Gonçalves Santoni, de 22 anos, foi morto com um tiro no abdome durante um assalto em um ponto de ônibus, em Goiânia. De acordo com o delegado que investiga o caso, foi Thiago Pereira de Lima, 26 anos, o responsável por ter atirado contra a vítima.

Image title

O suspeito foi localizado e preso no último dia 9. Ele participou do assalto com outro rapaz, identificado como Cássio Lira, de 28 anos, que foi detido cinco dias após o crime. A dupla teve cobertura de uma menor, de 17 anos, para chegar e partir do local do crime.

A menor não está apreendida. Em um endereço vinculado a ela, os agentes encontraram computadores, celulares e outros materiais roubados, durante o cumprimento de um mandado de busca a apreensão.

Murilo tinha acabado de sair de um treinamento em uma empresa de telefonia, na companhia de dois amigos, quando foi em direção ao ponto de ônibus, onde aconteceu o assalto. Ele teria reagido e, por isso, acabou baleado. O serviço de emergência foi chamado ao local, mas o estudante já estava morto. Ao lado do corpo foi encontrado o fone de ouvido que ele usava com o celular.

Fonte: Com informações do Jornal Extra