Polícia prende suspeito pela morte de seis taxistas

Taxista protestaram pelas mortes de membros da categoria em Porto Alegre

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul informou na manhã deste domingo que prendeu o suspeito de ser o autor da morte de seis taxistas - três em Porto Alegre e três em Santana do Livramento. Segundo a polícia, o homem tem 21 anos e teria confessado a autoria dos crimes, revelando detalhes de como ocorreram. Em depoimento, o suspeito disse que a motivação foi financeira.

Na madrugada do dia 30 de março, três taxistas foram assassinados em Porto Alegre com tiros de calibre 22. Na mesma semana, outros três foram mortos por uma arma do mesmo calibre nas cidades de Santana do Livramento (RS) e Rivera, no Uruguai.

A morte de taxistas na capital provocou várias manifestações da categoria pelas ruas da cidade. Os profissionais chegaram a ir até a casa do governador Tarso Genro (PT) para pedir Justiça e mais segurança.

Fonte: Terra