Polícia procura por restos mortais de Eliza Samudio no sítio de Bruno, após denúncia

Polícia procura por restos mortais de Eliza Samudio no sítio de Bruno, após denúncia

Ossada está enterrada na entrada do sítio do goleiro, segundo o denunciante.

As Polícias Civil e Militar e o Corpo de Bombeiros aguardam um mandado de busca e apreensão para entrar no sítio do goleiro Bruno Fernandes, em Esmeraldas, na região metropolitana de BH, e procurar pelos restos mortais de Eliza Samudio. Os policiais estiveram no local após uma nova denúncia anônima, através do telefone 181, no fim da noite de segunda-feira (28).

Na ligação, o denunciante diz que os restos mortais da ex-amante do jogador estão enterrados na entrada do imóvel, entre duas palmeiras. Como não havia mandado expedido pela Justiça, não foi possível realizar buscas no local.

Eliza Samudio foi vista pela última vez no sítio. Segundo testemunhas, ela tentava convencer Bruno a assumir a paternidade. As investigações da polícia concluíram que ela foi mantida em cárcere privado e torturada. Na época da denúncia, o terreno passou por escavações, mas nada foi encontrado.

O advogado da mãe da modelo, José Arteiro, informou que ainda não conversou com a cliente e vai esperar os próximos acontecimentos para se pronunciar.

A provável localização do corpo de Eliza surge em um momento em que a polícia suspeita de uma lista de execução de testemunhas do caso. Na última quarta-feira (22), o primo do goleiro, Sérgio Rosa Sales, que prestou um importante depoimento dando detalhes do crime, foi executado com seis tiros. No domingo (26), o ex-motorista do goleiro sofreu um atentado e desapareceu.

Já a defesa do goleiro, representada pelo advogado Francisco Simim, afirmou que os crimes não têm ligação com o cliente.

? Parece que tem alguém querendo incriminar o Bruno, mas não vão conseguir. Se a polícia está trabalhando, deve ter algum fundamento. Mas isso já aconteceu duas ou três vezes e não deu em nada.

Fonte: r7