Polícia procura suspeito de atear fogo na própria mulher

Mulher está internada em estado grave na CTI do pronto-socorro de BH

A polícia procura um homem de 32 anos suspeito de atear fogo na mulher em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, neste domingo (9). De acordo com informações da Polícia Civil, após uma discussão, o suspeito teria trancado a mulher em casa, ateado fogo na vítima e depois fugido. Segundo a polícia, a mulher pediu socorro pela janela e foi socorrida por populares.

A mulher de 44 anos foi encaminhada para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte. De acordo com a assessoria do hospital, ela está internada em estado grave no Centro de Terapia Intensiva (CTI) de queimados.

O casal vivia na mesma casa há seis anos e brigava com freqüência, segundo relato de testemunhas à polícia. Ainda segundo investigações da Polícia Civil, o suspeito seria usuário de drogas e é procurado nesta segunda-feira (10).

Homicídio por ciúmes no Triângulo

Já em Iturama, na Região do Triângulo Mineiro, um homem de 26 anos é suspeito de matar o namorado da ex-mulher em Iturama. O crime aconteceu na noite deste domingo (9) e teria sido motivado por ciúmes. Segundo informações da Polícia Civil, o suspeito foi até a casa onde morava com a ex-mulher para tentar reatar o relacionamento, terminado há cerca de um mês. De acordo com a polícia, ele teria entrado à força e se deparou com o atual namorado da mulher.

Ainda segundo a polícia, o suspeito teria pegado uma faca na cozinha da casa e assassinado o homem de 43 anos. A vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Frutal e já foi liberado.

O suspeito teria, ainda, perseguido e ameaçado a mulher de morte, mas ela conseguiu fugir. Ela vai ser ouvida pelo delegado responsável pelo caso na Delegacia Regional de Iturama.

Fonte: g1, www.g1.com.br