Policiais do Ceará retomam greve suspensa há mais de 1 mês

Os dirigentes garantem que 30% dos agentes manterão as atividades

Em uma assembleia geral na noite desta sexta-feira, policiais civis do Ceará decidiram retomar a greve da categoria, suspensa desde o dia 9 de agosto. De acordo com o Sindicato dos Policiais Civis do Estado (Sinpoci), a paralisação começa já a partir deste fim de semana, com cinco delegacias em regime de plantão por dia.

Os dirigentes garantem que 30% dos agentes manterão as atividades, como prevê a lei geral da greve. Entre as principais reinvindicações da categoria estão a contratação de novos profissionais aprovados em concurso público, pagamento de 60% do salário de delegado para os demais agentes e dispensa de curso superior para promoção na carreira.

Os trabalhadores haviam permanecido 39 dias de braços cruzados entre julho e agosto e, como a greve tinha sido apenas suspensa, o sindicato argumenta que não precisaria atender a um novo prazo de 72 horas para paralisar mais uma vez os trabalhos. "A categoria suspendeu como prova de confiança no governo, mas não vamos deixar de lutar pelos nosso direitos", explicou a presidente do sindicato, Inês Romero. A decisão foi tomada depois de mais uma rodada de negociações na quinta-feira, sem que houvesse avanço nas propostas do governo, alega a categoria.

Fonte: Terra, www.terra.com.br