Policial acusado de atirar em empresário é considerado foragido

O crime aconteceu em Campo Maior.

Neste domingo (27), o comandante da polícia militar de Campo Maior, major Etevaldo Silva, comunicou para a Corregedoria Geral da Polícia Miiltar o caso envolvendo o cabo da PM, Rafael Barbosa, que é acusado de disparar duas vezes contra o empresário Igor Costa após uma discussão no trailer da vítima que fica localizado na praça da Rodoviária de Campo Maior.

No comunicado, o major afirmou que o policial é oficialmente acusado e agora é considerado fugitivo. “Com esse procedimento, estou autorizando a Corregedoria que abra um procedimento administrativo, ou seja, um inquérito polícia militar contra o cabo”, informou o comandante.

O comandante disse que apesar do policial não ser lotado no 15º BPM, a tentativa de homicídio ocorreu na área do batalhão e que por isso cabe a ele informar os fatos à Corregedoria Geral da Polícia Militar. Ele afirmou ainda que o cabo Rafael está entregue ao Centro de Assistência Integrada de Saúde da Polícia Militar (CAIS-PM), em Teresina, passando por tratamento psicológico. “Ao ser realizado, o policial terá que entregar a arma do crime e ser autuado”, declarou.

Policial acusado de tentativa de homicídio (Crédito: Reprodução)
Policial acusado de tentativa de homicídio (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do Portal de Campo Maior