Policiamento reduz a zero o número arrombamentos em escolas de THE

O policiamento ostensivo é realizado por meio do Pelotão Escolar

Todo fim de período letivo, as escolas se encontram sem grandes movimentos, propícias para a ocorrência de roubos e ações de vândalos. Só de janeiro a março deste ano, foram registradas 29 ocorrências de arrombamentos a escolas, de um total de 488 unidades escolares existentes em Teresina.

Neste mês, a Polícia Militar, através do Pelotão Escolar, conseguiu reduzir a zero o número de casos registrados, até o momento. Resultado da Operação Férias, nova estratégia da PM, que tem previsão de encerrar na madrugada de domingo (02). O Pelotão Escolar ampliou a estrutura da Operação Férias de Julho e conta com 80 policiais, 10 automóveis e seis motocicletas.

Com duração de seis horas diárias, de 23h à 5h, o Pelotão Escolar faz a segurança nas redondezas das escolas e ainda dá as devidas orientações aos vigias. De acordo com major Marcos Vinícius, o policiamento ostensivo visa fornecer maior segurança nas escolas públicas da capital.

Image title

“A intenção do policiamento ostensivo nas 186 escolas do Estado e 302 escolas municipais é dar maior tranquilidade aos funcionários e alunos da escola e evitar que a insegurança e a criminalidade afetem o ambiente escolar, interferindo no processo ensino e aprendizagem”, explicou.

O major Marcos Vinícius, membro do Pelotão Escolar, ressaltou a importância de se registrar o Boletim de Ocorrências em instituições públicas. “Estamos na última semana da Operação Férias de Julho. Até o momento, nenhum caso foi registrado. Mas aconselho que se alguma ação de vândalos vier a acontecer, as vítimas devem registrar o boletim de ocorrência, para formalizar a queixa, pois trata-se de pertences do patrimônio público e devem prestar contas”, destacou o major do Pelotão Escolar.

Image title


Fonte: Virgínia Santos e Márcia Gabriele