Por causa de computador, mulher amarra bebê em sofá

Por causa de computador, mulher amarra bebê em sofá

Mulher de 21 anos foi conduzida à delegacia para prestar esclarecimentos.

Uma mulher de 21 anos foi conduzida à delegacia por suspeita de amarrar um bebê de um ano em um sofá por causa de um estrago em um computador, no bairro Nossa Senhora da Conceição, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. A informação é da Polícia Militar (PM). Ainda segundo a PM, o padrasto da criança, que é irmão da suspeita, teria acionado os policiais após chegar em casa e ver o bebê preso ao móvel. Uma corda na cintura teria sido usada para manter o bebê imóvel, segundo a polícia. A criança sofreu arranhões e foi socorrida na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Centro-Sul, na capital.

De acordo com informações da PM, a mulher teria alegado para a polícia que prendeu o bebê depois que ele esbarrou no computador dela e danificou o produto. Ela teria, ainda, dito que deixou o bebê preso para que ele não se aproximasse dela e se queimasse, já que ela cozinhava usando óleo. Os irmãos moram na mesma casa. O pai e a mãe do bebê não estavam no local no momento.

A suspeita foi conduzida à 3ª Delegacia de Plantão da Seccional Sul para prestar esclarecimentos. Segundo a polícia, ela pode responder por maus tratos.

Fonte: g1, www.g1.com.br