Preso debocha da cadeia e diz que lá é “tranquilo e favorável”

Tiago da Silva de Queiroz agiu na companhia de outro assaltante

Tiago da Silva de Queiroz, 24 anos, foi preso após assaltar passageiros de um coletivo na BR-324, nas proximidades da Brasilgás, em Salvador. Antes de ser surpreendido por policiais militares, ele já havia descido do veículo e roubado vários pedestres. Tiago agiu na companhia de outro assaltante que conseguiu fugir. Eles roubaram dinheiro, aparelhos celulares e demais pertences de passageiros do veículo e transeuntes.

Image title

Indignada com as ameaças feitas pelo jovem durante a ação, uma das vítimas que prestou queixa na delegacia, disse que estava indo comprar remédios para a mãe. Na delegacia, ele desabafou na frente do criminoso e disse que sente muito ódio.

O criminoso disse que não justifica, mas que saiu da cadeia há 21 dias e que precisava roubar para ajudar a avó em um tratamento contra o câncer.

Tiago é pai de duas crianças e essa é a quinta entrada na delegacia, sendo três por tráfico de drogas e duas por roubo. Ousado, ele diz que passou os festejos juninos com as “novinhas”, mas que não vê problema ao ir para a cadeia, pois lá é “ tranquilo e favorável”.

Com ele, os policiais encontraram sete aparelhos celulares e a quantia de R$ 51 roubada do cobrador. Para o policial, Tiago debocha da Justiça.

Fonte: Com informações do R7