Estuprador e homicida é preso no Piauí

Ele foi encontrado no Piauí, para onde fugiu e estava vivendo com uma companheira

O padeiro Adaylton Nascimento Neiva, 31 anos, foi preso na semana passada no Piauí, após meses foragido de Novo Gama (GO). Ele é acusado de vários estupros e assainatos, dentre eles da própria esposa e filhos. O último foi de uma adolescente que aconteceu no ano passado.

Adaylton cometeu quatro estupros e matou três pessoas. Ele pode pegar até 30 anos de prisao - (Daniel Ferreira/CB/D.A Press.)Foram setes meses de investigação até que a polícia do Novo Gama prendesse Adaylton Nascimento Neiva, 31 anos. Em dezembro do ano passado, o padeiro matou a jovem Alessandra Alves Rodrigues, de 14 anos. Ela foi asfixiada. O crime ocorreu em um matagal no Novo Gama (GO). A polícia foi informada por uma testemunha que Adaylton seria o autor do crime.

Na última terça-feira, o assassino foi encontrado no Piauí, para onde fugiu e estava vivendo com uma companheira. Ele chegou ao Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) do Novo Gama nesta sexta-feira. Na tarde deste domingo (18/8), o criminoso deve levar os policiais ao local onde enterrou a jovem Alessandra. Adaylton deve ser indiciado por homicídio qualificado e pode pegar de 12 a 30 anos de prisão.



Entenda o caso

A ficha de Adaylton é extensa. Em 2000, ele matou a pauladas a esposa, Elenice Geralda Lucas, 19 anos ? que estava grávida de 5 meses ? e a filha dela, Luciene Lucas de Caldas, asfixiada com um saco plástico. A mulher esperava um filho de Adaylton. Na época, o homem não foi preso.

Menos de um ano depois, em fevereiro de 2001, Adaylton estuprou três mulheres no Gama. Dessa vez, foi preso e condenado.

Cumpriu pena de 2001 a 2009, quando foi beneficiado com progressão de pena e passou a cumprir o restante da pena em regime semi-aberto. Em outubro, fugiu e, meses depois, em dezembro do mesmo ano, matou Alessandra Alves Rodrigues, 14 anos, na cidade do Novo Gama (GO).

Fonte: Correio Braziliense