Preso segundo suspeito de atacar policiais em estádio após rebaixamento do Coritiba

De acordo com o delegado titular Miguel Stadler, o torcedor foi identificado por fotos e vídeos.

A Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Sesp-PR) confirmou nesta terça-feira a prisão de mais um torcedor suspeito de envolvimento na confusão generalizada no Couto Pereira no último domingo. O torcedor, ainda sem identidade revelada, está detido no Cope (Centro de Operações Policiais Especiais) da Polícia Civil. De acordo com o delegado titular Miguel Stadler, o torcedor foi identificado por fotos e vídeos.

- Estamos com várias pessoas sendo ouvidas hoje (terça-feira). A movimentação está bem intensa - garante o delegado. Cerca de 20 torcedores serão interrogados pelo polícia ainda nesta terça-feira.

Na segunda-feira, também com base nas imagens, Gilson Santos, de 20 anos, foi identificado e detido. Ele teria agredido o policial Luiz Ricardo Gomide, que deixou o gramado do Couto Pereira desacordado.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com