Preso suspeito de matar homem em parada de ônibus em Teresina

Juliano Ramalhães foi morto em uma parada de ônibus, no dia 10.

Policiais do 5° Batalhão da Polícia Militar prenderam, no Parque Universitário, zona leste de Teresina,  um homem identificado como Raimundo Rodrigues da Silva Neto, de 19 anos, acusado de assassinar Juliano Ramalhaes, de 30 anos, em uma parada de ônibus, na Avenida Presidente Kennedy. O crime aconteceu no último dia (10/12).

Juliano Ramalhaes foi morto em uma parada de ônibus, na Avenida Kennedy (Crédito: Reprodução)
Juliano Ramalhaes foi morto em uma parada de ônibus, na Avenida Kennedy, no dia 10 deste mês. (Crédito: Reprodução)

Amigos lamentam morte de homem que reagiu a assalto na Av. Kennedy. Na semana passada, amigos e familiares utilizaram as redes sociais para pedir punição. A loja de motocicletas Center Motos, quer fica localizada na zona Sul de Teresina, onde Juliano Ramalhães era representante comercial, também se manifestou a lamentou o homicídio. 

O crime

O mê cênico de bicicletas Juliano Ramalhaes estava indo para o trabalho quando foi abordado por dois homens armados, em uma para de ônibus, na Avenida Presidente Kennedy, no bairro Piçarreira, zona Leste de Teresina. 

A administradora Geane Ribeiro, prima da vítima, declarou que Juliano Ramalhaes estava indo para o trabalho na oficina de conserto de bicicleta, quando foi abordado por dois homens que queriam roubar sua motocicleta. Ele, porém, reagiu e foi atingido com um tiro no rosto.

Juliano Ramalhaes chegou a ser atendido pelo SAMU, mas morreu dentro da ambulância, quando estava sendo levado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT).

Juliano chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu
Juliano chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu






Fonte: Portal Meio Norte