Preso suspeito de matar mãe de bebê abandonado na Bahia

Preso suspeito de matar mãe de bebê abandonado na Bahia

Presidiário ordenou crime e um dos envolvidos está foragido, diz polícia

A Polícia Civil da Bahia apresentou, nesta segunda-feira (31), um dos suspeitos de ter matado a mãe do bebê abandonado em um carro, em Salvador. Ele foi preso em Aracaju, no sábado (29). O homicídio aconteceu no dia 10 deste mês e a criança, de 1 ano e 1 mês, está sob os cuidados do Juizado da Infância e da Juventude da capital baiana. O corpo da mulher foi encontrado em um matagal em Lauro de Freitas (BA), no domingo (23), ao lado do corpo de um homem.

Segundo a Polícia Civil, a mãe era considerada desaparecida desde o encontro do menino. A certidão de nascimento da criança e o RG da mãe estavam dentro do carro com o bebê. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) da Bahia, a identificação da mãe foi feita por meio de impressões digitais da vítima.

Em nota, a SSP informou que a descoberta dos acusados foi resultado de uma ação conjunta entre policiais do Sistema de Inteligência da Bahia (SI) e da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial de Sergipe. Um deles seria o mandante e teria ordenado o crime de dentro da cela de um presídio baiano. Um terceiro envolvido no crime permanece foragido.

De acordo com o documento, a mãe do bebê e o homem encontrado morto ao lado dela fariam parte de um grupo criminoso que age dentro e fora dos presídios paulistas. Segundo a polícia, os dois foram mortos após entregar um carregamento de dez quilos de cocaína, que seria entregue a integrantes de uma quadrilha de traficantes que atua em Salvador. A investigação do caso indica que eles foram executados para o grupo não pagar pela droga.

A avó da criança, que é de Mauá, na Grande São Paulo, teria demonstrado interesse pela guarda do bebê. O Juizado da Infância e da Juventude de Salvador informou que o processo segue em segredo de Justiça.

Fonte: g1, www.g1.com.br