Preso suspeito de matar professora e fugir com a filha

Segundo a delegada, já havia histórico anterior de brigas e ameças contra ele

O suspeito de ter matado a professora Roselaine Freitas de Carvalho a facadas no último dia 20, em Canoas (RS), foi preso nesta manhã na cidade de São José, perto de Florianópolis (SC). O homem é ex-companheiro da professora e fugiu levando a filha de 3 anos que teve com ela.

De acordo com a delegada Sabrina Deffente, o suspeito estava na casa de conhecidos e não resistiu à prisão. Em depoimento informal, ele negou o assassinato.

Sabrina disse que a suspeita recaiu sobre o ex-companheiro da professora porque a criança estava desaparecida e o pai não procurou a polícia. Desde sábado em Santa Catarina, o suspeito prestava serviço temporário na área da Construção Civil.

Segundo a delegada, já havia histórico anterior de brigas e ameças contra ele. O casal estava separado havia 11 dias e não tinha ainda decisão judicial indicando com quem a criança deveria ficar.

Com prisão temporária decretada por 30 dias, o homem ficará no Presídio Central de Porto Alegre. A menina ficará ao cuidados da avó materna.

Fonte: Terra, www.terra.com.br