Presos acusados de estuprar turistas

Ele foi reconhecido por uma das vítimas, uma jovem de 28 anos

Um homem foi preso na segunda-feira (13) em Mongaguá, a 89 km de São Paulo, por suspeita de roubar e assaltar turistas na cidade. Ele foi reconhecido por uma das vítimas, uma jovem de 28 anos. Um sobrinho do homem também foi preso por suspeita de participar do crime.

O caso ocorreu na véspera do feriado de Páscoa. A jovem e o namorado estavam dentro do carro na avenida da praia da cidade quando foram abordados por dois homens.

O crime foi semelhante a outro ocorrido no dia 3 de abril. A polícia chegou aos suspeitos quando investigava esse caso. Um turista de São Paulo foi uma das vítimas.

?Quando estávamos indo para o carro fomos abordados por esses dois que estão presos. Eles nos colocaram no carro, nos levaram para o matagal, pediram para eu e meu amigo tirarmos a roupa. Nos amarraram, ficamos com as mãos para trás, nos jogaram no mangue e saíram com o carro com outra vítima, uma menina?, contou ele, que não quis se identificar.

A menina era amiga do rapaz e ficou em poder dos criminosos por mais de seis horas. ?Eles estavam insultando, nervosos e gritando muito, chutando. Eles corriam, arrebentavam o carro?, contou a jovem.

Enquanto ela estava no carro, uma mulher participou do crime. Ela foi identificada mais tarde pela polícia. Ela seria namorada de um dos suspeitos. Através dela e de denúncias, a polícia chegou aos suspeitos.

Fonte: g1, www.g1.com.br