Polícia Militar prende suspeitos de matar e colocar corpo em mala

Os suspeitos de 28 anos, 27 anos e 22 anos de idade e teriam confessado o crime, segundo a Polícia Militar

A Polícia Militar (PM) prendeu na noite de sábado (14) três suspeitos de matar, esquartejar e esconder em uma mala o cadáver de um homem de 25 anos assassinado na última sexta-feira (13), no Setor Jardim Mont Serrat em Aparecida de Goiânia. Os suspeitos de 28 anos, 27 anos e 22 anos de idade e teriam confessado o crime, segundo a Polícia Militar.

De acordo com a assessoria de comunicação do 2º Comando Regional da Polícia Militar (2º CRPM), a vítima foi esfaqueada e morta na residência de um dos suspeitos. Em seguida, o corpo teria sido esquartejado com facão, arco e serra por dois dos membros do grupo e colocado dentro de uma mala. O motivo seria uma dívida de R$ 350.

Segundo a assessoria de comunicação da PM, um terceiro suspeito conduziu o corpo no carro da própria vítima (um Celta) até a zona rural do município, onde foi deixado e depois encontrado por um chacareiro. Depois, o veículo foi abandonado e incendiado numa rua de pouco movimento do Setor Transbrasiliana, em Aparecida de Goiânia.

Segundo a polícia, a vítima era um jovem de 25 anos, que morava na Vila Alzira, em Aparecida de Goiânia, e até pouco tempo era dono de uma loja de recarga de cartuchos para impressora, em Goiânia. O corpo foi reconhecido pelo pai, que contou que o filho usava crack há aproximadamente cinco anos e estava desaparecido desde a última quarta-feira (11).

Fonte: G1