Proerd forma 27 novos instrutores para atuarem contra a violência

O Proerd agora será direcionado também para os adultos

Estar preparado, capacitado e treinado é fundamental, pensando nisso a coordenação do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) no Piauí, realizou a formatura de 27 Policiais Militares do curso de instrutores. Também estiveram presentes na solenidade representantes de outros estados como Ceará e Maranhão.

Os Policiais Militares capacitados irão atuar nas comunidades ampliando o currículo para os adultos. Esta foi a 1ª formação de instrutores do Proerd que irão executar o projeto “Currículo pais”.

O projeto acontecerá em  5 encontros com temas diferentes com o objetivo de fortalecimento de vínculos familiares estimulando os pais que são os principais colaboradores dos filhos, com isso, trabalham a prevenção.

O curso teve como facilitador o Major Jairo Freitas da Policia Militar de Pernambuco e quatro mentores piauienses, esse é o resultado da parceria entre Policia Militar, Coordenadoria Estadual da Juventude e Secretaria Municipal de Educação (SEMEC).

Segundo a coordenadora do Proed no Piauí, major Elizabete Lima, o curso capacita novos monitores para o programa. "O resultado deste curso é que agora além do trabalho que já vem sendo desenvolvido com os jovens nas escolas, iremos também trabalhar com os pais", explicou. Atualmente o Proerd atende 62 municípios piauienses e nos últimos três anos 63 mil crianças foram contempladas.

O Major Jairo explica que o projeto “Currículo  pais” irá trabalhar com as famílias em vários ambientes, como, nas igrejas, associações de moradores, escolas, entre outros, disponibilizando ferramentas para orientar os pais a reconhecerem se o filho está usando drogas, ensinando a família a lidar com a situação e principalmente a prevenção.

“Através do projeto o resultado é a diminuição do número de delitos entre menores e com o avanço do Proerd pretendemos realizar um trabalho voltado para diminuir ainda mais o número de delitos praticados por crianças e adolescentes”, diz major Jairo.

“Os instrutores do Proerd estão se capacitando para atuarem em 42 Escolas Municipais, onde irão orientar os alunos do 5º ano do Ensino Fundamenta e seus familiares, no sentido do uso das drogas, consequências e prevenção, diz Madalena Leal, Gerente de Assistência ao Educando da Secretaria Municipal de Educação.

O que é o Proerd?

O Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) é a adaptação brasileira do programa norte-americano Drug Abuse Resistence Education - D.A.R.E., surgido em 1983. No Brasil, o programa foi implantado em 1992, pela Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, e hoje é adotado em todo o Brasil.

Ele consiste em uma ação conjunta entre as Polícias Militares, Escolas e Famílias, no sentido de prevenir o abuso de drogas e a violência entre estudantes, bem como ajudá-los a reconhecer as pressões e as influências diárias que contribuem ao uso de drogas e à prática de violência, desenvolvendo habilidades para resisti-las.

O Proerd é mais um fator de proteção desenvolvido pela Polícia Militar para a valorização da vida, que imbuía de sua missão institucional, vem de uma sociedade mais saudável e feliz.

Fonte: Com informações da Prefeitura de Teresina