Professor é suspeito de fogo em seu imóvel

O suspeito foi preso sob acusação de porte ilegal de arma e por incêndio qualificado

A polícia prendeu na tarde desta sexta-feira (7) um professor de biologia que mora no apartamento do sétimo andar de um prédio na Rua Otacílio Negrão de Lima, em Vila Isabel, na Zona Norte do Rio, que pegou fogo pela manhã.

Internauta registrou incêndio; veja no VC no G1

Segundo a delegada Leila Goulart, titular da 20ª DP (Vila Isabel), ele é suspeito de ter ateado fogo no próprio apartamento. De acordo com a delegada, em depoimento, o professor de 55 anos estava muito confuso e afirmou que teria discutido com uma mulher antes de colocar fogo no imóvel.

No entanto, a polícia ainda não conseguiu identificar a mulher e não descarta a possibilidade de o suspeito ter mentido sobre a existência dela. Segundo a polícia, os porteiros do prédio não registraram a entrada de nenhuma mulher no apartamento 704.

No apartamento, foi encontrada uma pistola. O suspeito foi preso sob acusação de porte ilegal de arma e por incêndio qualificado. Durante o incêndio, o professor precisou ser atendido pois ficou intoxicado com as chamas.

Fogo controlado

Segundo os bombeiros, o fogo foi controlado antes de atingir outros cômodos do apartamento. Mas só a perícia vai determinar se o imóvel precisa ou não ser interditado.

O trânsito, que ficou parcialmente interrompido por causa dos carros de socorro, já foi liberado.

Fonte: g1, www.g1.com.br