Rapaz é morto a facadas pela sogra enquanto assistia televisão

A filha conta que a mãe ficava muito violenta quando bebia.

Uma mulher identificada como Zenaide Medeiros Freitas, de 52 anos, matou o próprio genro Dimaires Pinto Furtado, de 26 anos, a facadas dentro da sua residência no interior de São Paulo. De acordo com ela, o homem era pedófilo e batia na filha dela de apenas 14 anos.

Segundo um amigo da família, ele e mais dois rapazes estavam bebendo cerveja em uma oficina quando a menina chegou no local afirmando que a mãe tinha esfaqueado o namorado. Tudo começou quando o casal estava assistindo dentro do quarto. A mulher chegou no local e em silêncio esfaqueou o genro no braço e no peito.

Em seguida, ela saiu correndo pela rua e jogou a faca no meio do caminho. Um dos golpes atingiu o coração do rapaz, que foi levado para atendimento médico mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Zenaide foi presa enquanto tentava fugir do crime. Em depoimento ela confessou o assassinato.

Um amigo da vítima contou que o rapaz já tinha dito que ia embora porque a sogra ficava muito violenta quando bebia. A adolescente afirmou que nunca sofreu agressões do namorado e que a mãe sofre de problemas mentais.

Vítima já tinha relatado violência da sogra (Crédito: Reprodução)
Vítima já tinha relatado violência da sogra (Crédito: Reprodução)
Vítima já tinha relatado violência da sogra (Crédito: Reprodução)
Vítima já tinha relatado violência da sogra (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do R7