Ratinho é condenado por acusação de trabalho escravo em fazenda

Em nota, o apresentador afirmou que já recorreu da decisão.

O apresentador, Carlos Roberto Massa, mais conhecido como ‘Ratinho’, foi condenado pelo Tribunal Superior do Trabalho, acusado de manter trabalhadores de uma área rural em que era dono em uma situação parecida com a de escravos.

De acordo com o Tribunal, ele terá que pagar uma multa de R$ 200 mil sob acusação de danos morais coletivos, pois ele não forneceu equipamentos de proteção e locais adequados para a alimentação de seus empregados na Fazenda Esplanada. O apresentador do SBT, que também é produtor rural, se destaca por ser um dos grandes fornecedores de cana de açúcar da cidade.

Em nota, o apresentador afirmou que já recorreu da decisão.

Ainda segundo o Tribunal Superior do Trabalho, os trabalhadores da propriedade de Ratinho comiam na lavoura e nos banheiros. Carlos Massa também foi acusado pelo aliciamento de pessoas do Maranhão e da Bahia, sem adotar procedimentos legais para a contratação.

Ratinho (Crédito: Reprodução)
Ratinho (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do G1