Roubo de carros no RJ cai 63% após ocupações, diz polícia

Segundo a DRFA, a estimativa é que, na Zona Norte, queda seja de 90%.

As ocupações das favelas da Vila Cruzeiro e do Alemão, na Penha, na Zona Norte do Rio, desde a semana passada, fizeram o número de roubo a automóveis cair 63% em todo o estado. Segundo o delegado Márcio Mendonça, da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA), a comparação é com a semana anterior às ações da polícia e das Forças Armadas.

?A redução foi drástica. Houve poucos relatos de roubos, não só naquela região, mas no estado inteiro?, afirmou Mendonça. De acordo com ele, na quarta-feira (24), véspera da ocupação da Vila Cruzeiro, onde foram encontradas cerca de 300 motos roubadas, foram registrados 41 roubos a veículos. Na terça-feira (30), o total era de 17.

Para Mendonça, se fecharmos os dados para a Zona Norte da cidade, a queda beira os 90%. Isso porque, afirma o delegado, a região concentra cerca de 40% deste tipo de crime.

Ainda segundo ele, dos 149 carros recuperados nas áreas ocupadas, 46,98% foram roubados na Zona Norte; 24,84%, na Baixada Fluminense; 9,39%, na Zona Oeste; 6,71%, no Centro; 3,36%, na Zona Sul e 2,01%, em São Gonçalo. Um outro veículo foi encontrado em Angra dos Reis, no Litoral Sul Fluminense.

Fonte: g1, www.g1.com.br