Sargento é preso por estuprar 5 mulheres: "não sabia como parar"

Sargento é preso por estuprar 5 mulheres: "não sabia como parar"

Sargento da Aeronáutica disse que precisa de ajuda psicológica

?Eu só não sabia como fazer para parar?. Foi assim que o sargento da Aeronáutica Edvaldo Silva Rodrigues, de 34 anos, justificou ter estuprado pelo menos cinco mulheres. Preso nesta sexta-feira por policiais da 25ª DP (Engenho Novo), Edvaldo chorou, pediu desculpas à sua família e às famílias das vítimas e disse precisar de ajuda psicológica. O militar teve a prisão temporária decretada pela Justiça.

O pai de uma das vítimas de Edvaldo esteve na delegacia. O militar do Exército, de 55 anos, disse que sua filha, de 23, foi rendida pelo sargento no último dia 23. Ele abordou a jovem de manhã, quando saía de casa, numa rua movimentada no bairro do Riachuelo, na Zona Norte do Rio.


Sargento é preso por estuprar 5 mulheres:

- Minha filha entregou a bolsa, pois achava que era um assalto. E ele disse: ?Não quero a bolsa. Quero você. Se não fizer o que eu quiser, te mato? - contou o militar do Exército.

O crime foi flagrado por uma vizinha. Edvaldo fugiu depois de obrigar a vítima a fazer sexo oral nele.

A mulher do sargento também esteve na 25ª DP. Ela disse estar envergonhada com os crimes do marido. Os dois - que se conhecem desde a adolescência - completariam um ano de casado neste domingo.


Sargento é preso por estuprar 5 mulheres:

- Ainda não caiu a ficha. Nunca ia imaginar que ele faria uma coisa dessa. Ainda é difícil de acreditar - disse a mulher.

Segundo as investigações, Edvaldo agia de manhã. Ele saía de moto - que tem a figura de uma caveira na traseira - à procura das vítimas. Os agentes dizem que o sargento é um homem frio.


Sargento é preso por estuprar 5 mulheres:

Fonte: Extra