Sargento invade uma festa de aniversário e mata a sua mulher

Sargento invade uma festa de aniversário e mata a sua mulher

Segundo a polícia, ele teria se irritado com a mulher porque ela recebeu uma ligação e disparou ao menos 12 vezes.

Um sargento da Polícia Militar de Goiás foi preso suspeito de ter assassinado a própria mulher durante a festa de aniversário dela de 31 anos. Segundo a polícia, ele teria se irritado com a mulher porque ela recebeu uma ligação e disparou ao menos 12 vezes.

O crime foi cometido na frente dos dois filhos do casal, de sete e dez anos, que imploraram para que Evair Januário não praticasse o homicídio. Luciele Fernandes, de 31 anos, morreu no local. O sargento foi preso em flagrante e confessou.

A família informou que eles estavam juntos havia dez anos e que a vítima tentou o divórcio várias vezes, mas sempre era ameaçada. Os parentes disseram ainda que Luciele relatava que constantemente era agredida.

Fonte: r7