Seis homicídios são registrados em Fortaleza em duas horas

Todos os crimes tiveram motivação de dívida de drogas.

Seis homicídios foram registrados pela polícia em apenas duas horas, somente na tarde desta quarta-feira (11), em Fortaleza e Região Metropolitana. Todos os crimes tiveram motivação de dívida de drogas.

Granja Portugal

O primeiro homicídio aconteceu no bairro Granja Portugal, em Fortaleza, e vitimou o morador de rua José Nerildo da Silva, de 41 anos. De acordo com testemunhas, a vítima realizava trabalhos de eletricista na comunidade e, recentemente, teria pedido emprestada uma bicicleta e não devolveu, o que pode ter motivado o crime.

Já a polícia acredita que a motivação do crime tenha sido dívidas de drogas, pois José Nerildo tinha envolvimento com entorpecentes há muitos anos.

Eusébio

O segundo crime aconteceu no município de Eusébio, Região Metropolitana. A vítima foi o adolescente Yago da Silva Souza, de 17 anos, que estava desaparecido desde a manhã desta terça-feira (10).

Com a falta de notícias, a mãe da vítima resolveu procurar o adolescente pela região. O corpo de Yago foi encontrado às margens do rio Coaçu, no mesmo município. Segundo a família, o jovem tinha envolvimento com drogas.

Cambeba

O terceiro homicídio foi registrado na rua Elisiário Mendes, no bairro Cambeba. De acordo com informações da polícia, Fernando Leal Ferreira estava na porta de casa quando foi abordado por dois homens em uma moto.

Quando a vítima percebeu que os suspeitos iriam atirar, tentou se esconder, mas foi atingido e morreu dentro da residência. A mãe da vítima informou que o filho tinha assassinado o pai em São Paulo e estava se escondendo em Fortaleza, mas a motivação mais provável para o crime é a divida de drogas adquirida na capital.

Barra do Ceará

Já no início da noite, o quarto homicídio foi registrado na Barra do Ceará, em Fortaleza. Ivan do Nascimento, de 18 anos, estava chegando no polo de lazer do bairro quando foi abordado por quatro homens encapuzados.

A vítima teve 15 perfurações a bala. Segundo informações da polícia, Ivan se envolveu em tráfico de drogas e execuções quando ainda era adolescente. O jovem já tinha sido preso, mas há algum tempo não se envolvia com o crime.

Fonte: jangadeiroonline.com.br