Seita de canibais queria conter aumento da população, diz PM

Seita de canibais queria conter aumento da população, diz PM

Essa seria a razão de todas as vítimas do grupo serem mulheres

As três pessoas presas em Garanhuns (PE) suspeitas de matar, esquartejar e comer a carne de mulheres formavam um triângulo amoroso. O canibalismo era praticado em nome de uma seita chamada Cartel, que, segundo a polícia, foi criada e era mantida apenas pelo trio. Segundo os suspeitos, a missão do grupo era conter o aumento da população, por isso as vítimas eram sempre mulheres.

Jéssica Camila Pereira foi, possivelmente, a primeira vítima do trio. Com 17 anos e uma filha de um ano, ela foi atraída por uma oferta de emprego feita por uma mulher chamada Isabel. Segundo o pai de Jéssica, ele tentou impedir a filha de aceitar a oferta, mas a aliciadora foi insistente e convenceu a vítima a ir com ela. Depois, ele nunca mais viu a filha e a neta.

Giselly Helena da Silva, de 30 anos, e Alexandra Falcão da Silva, de 20 anos, teriam sido outras duas vítimas dos canibais. Elas teriam sido mortas em Garanhuns, a 228 km de Recife.

Jorge Negromonte Silveira, de 50 anos, é suspeito de liderar o grupo. Ele é formado em educação física e já deu aulas de karatê, ginástica e dança. Em um livro, Silveira teria descrito como cometeu o assassinato de Jéssica. Além disso, ele registrou em desenhos corpos em pedaços, enterros e caveiras.

A filha de Jéssica, hoje com cinco anos, teria ficado na casa dos supostos assassinos. De acordo com a polícia, ela pode ter presenciado os crimes cometidos no local. O delegado Wesley Fernandes conta que conversou com a menina.

? Levamos a criança em um quarto reservado e começamos a conversar com ela e mostramos a foto de Gisele. Foi quando ela reconheceu a Gisele. Falou que seus pais diziam que ela era uma pessoa má [...] Ela afirmou que o pai teria arrancado a cabeça da vítima. Isso tudo nos leva a crer que toda essa atrocidade foi feita na presença dessa criança.

Esses e outros detalhes da história de horror e mistério que repercutiu em todo o mundo foram revelados pelo Domingo Espetacular. A reportagem mostra quem são os canibais de Garanhuns e relembra outros casos de canibalismo que chocaram o mundo.

Fonte: r7