SP: Justiça condena 4 líderes do MST por formação de quadrilha

A pena será cumprida em regime semiaberto

Quatro líderes do Movimentos dos Trabalhadores Sem Terra (MST) foram condenados, em primeira instância, a três anos de prisão por formação de quadrilha. A pena será cumprida em regime semiaberto. A decisão é da Justiça de Presidente Bernardes, a cerca de 600 km de São Paulo. As informações são da Folha de S. Paulo.

Segundo a reportagem da Folha de S. Paulo, foram condenados pelo Ministério Público de São Paulo José Aparecido Gomes Maia, Valmir Rodrigues Chaves, Valmir Ulisses Sebastião e Aparecida de Jesus Pereira. Os integrantes do MST, por meio de sua defesa, irão recorrer da decisão.

Fonte: TERRA.COM.BR