Suspeito de matar cantor por ciúme ligou para a ex-mulher: 'Fiz besteira'

Segundo a polícia, a morte do músico foi motivada por ciúmes, porque Dan Nunes teria se relacionado com a ex-mulher de Barros.

O homem suspeito de assassinar o músico Dan Nunes, em Santos, no litoral de São Paulo, teria ligado para sua ex-mulher após o crime. De acordo com o depoimento prestado à Polícia Civil pela comerciante de 31 anos, nesta terça-feira (31), Thiago Batista de Barros, de 30 anos, conhecido como "Chupeta", ligou para ela dizendo que "fez uma besteira".

Dan foi assassinado com um tiro nas costas na madrugada de segunda-feira (30), após realizar um show em um bar da cidade. A prisão temporária de Barros, suspeito de ter feito o disparo, foi pedida à Justiça no fim da noite desta terça. Ele ainda não foi localizado.

Segundo a polícia, a morte do músico foi motivada por ciúmes, porque Dan Nunes teria se relacionado com a ex-mulher de Barros.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Jorge Álvaro Gonçalves Cruz, a mulher afirmou que recebeu a ligação por volta das 2h da segunda-feira.

"Ela disse que o Thiago se mostrava arrependido e afirmava que tinha feito uma besteira e atirado no Dan. Ela também revelou que o rapaz estava no carro com outra pessoa, que ela não soube identificar", afirma. A depoente estava acompanhada do advogado João Manoel Armôa Júnior.

Ainda segundo a polícia, a comerciante afirmou que não mantinha contato com Dan Nunes há sete meses e que, durante o relacionamento com o músico, Barros já demonstrava sinais de ciúmes. A mulher não soube informar o possível paradeiro do suspeito.

O delegado confirma que havia outra pessoa no veículo flagrado nas imagens de uma câmera de monitoramento durante a ação. Essa pessoa ainda não foi identificada. "Continuaremos as diligências para tentar encontrar o Thiago e identificar essa segunda pessoa", conclui.

Despedida

Durante o sepultamento da vítima, realizado nesta terça-feira, um dos integrantes da banda Tr3vo levou um violão ao cemitério e cantou uma música do grupo, comovendo os presentes. Após o término da canção, amigos e familiares aplaudiram. O pai do vocalista chegou a pedir que a banda não abandone os palcos.

 





Fonte: G1