Suspeito de matar por ciúmes pede desculpas à família em rede social

Suspeito de matar por ciúmes pede desculpas à família em rede social

Ele é suspeito de atirar contra Jefferson Soares Dias em um bar da cidade.

Wathylla Pereira Soares, de 19 anos, foi preso pela Polícia Civil, em uma boate em Araguaína, no sul do Tocantins, na madrugada de sábado (15). A prisão aconteceu após a justiça acatar a denúncia do Ministério Público Estadual que denunciou o jovem por homicídio qualificado, sem motivo.

Wathylla é suspeito de assassinar Jefferson Soares Silva, 18 anos, no dia 5 de janeiro deste ano, no bairro São João, no município. Ele já estava sendo monitorado pela polícia, que encontrou em uma rede social, uma mensagem em que ele tenta se justificar pelo crime e até pede desculpas para a família da vítima.


Suspeito de matar por ciúmes pede desculpas à família em rede social

Suspeito de matar por ciúmes pede desculpas à família em rede social

O crime aconteceu quando Jefferson estava em um bar e o suspeito passou pelo local acompanhando de duas mulheres, sendo uma delas a namorada dele. A vítima teria dito algo para as garotas, o que deixou Wathylla com ciúmes. Ele voltou ao estabelecimento armado e após uma discussão disparou contra Jefferson, que foi atingido no rosto. A vítima ficou dois dias internada, no Hospital Regional de Araguaína, e não resistiu.

O delegado que investiga o caso, Manoel Laeldo, diz que Wathylla matou por ciúmes. ?Foi provado que houve desentendimento verbal, na ocasião do crime, e aí ele se armou por motivo fútil e acabou ceifando a vida daquela vítima.? O suspeito está na Casa de Prisão Provisória de Araguaína.

Fonte: G1