Suspeitos de assaltar banco na cidade de Simões são presos no interior de PE

Suspeitos de assaltar banco na cidade de Simões são presos no interior de PE

A dupla foi localizada após quatro meses de investigações

Uma operação realizada nesta sexta-feira (21) pela Polícia Civil em Petrolina, em conjunto com 5° Batalhão de Polícia Militar (BPM) e 2ª Companhia Independente (CIPM), resultou na prisão de dois dos principais assaltantes de banco e carros-fortes nas regiões Norte e Nordeste do país. Cleilson Dantas Sales, conhecido por ?Mamão?, de 40 anos, possuía um mandado de prisão em aberto emitido pela 2ª Vara de Execuções Penais de Pernambuco, e outro da Bahia, por assalto. O comparsa dele, José Dantas Brandão, o ?Zezinho de Mané Magro?, de 46, também tinha mandado de prisão da Comarca de Belém do Pará.

Segundo a Diretoria Integrada do Interior (DII 2), a dupla foi localizada após quatro meses de investigações feitas pela equipe Malhas da Lei de Cabrobó (PE), no Sertão do São Francisco. Os dois foram detidos numa residência localizada na rua da Tapioca, bairro Areia Branca, zona leste de Petrolina. Após cerco policial, eles foram capturados.

Cleilson Dantas Sales, conhecido por ?Mamão?, de 40 anos, possuía um mandado de prisão em aberto emitido pela 2ª Vara de Execuções Penais de Pernambuco, e outro da Bahia, por assalto. O comparsa dele, José Dantas Brandão, o ?Zezinho de Mané Magro?, de 46

Cleilson Dantas Sales, conhecido por ?Mamão?, de 40 anos, possuía um mandado de prisão em aberto emitido pela 2ª Vara de Execuções Penais de Pernambuco, e outro da Bahia, por assalto. O comparsa dele, José Dantas Brandão, o ?Zezinho de Mané Magro?

De acordo com o delegado seccional de Cabrobó, Marlon Frota, os suspeitos fazem parte da mesma quadrilha que teria investido contra um carro-forte na BR- 407, próximo ao Povoado de Pau Ferro (zona rural da cidade), e também assaltado uma agência bancária em Terra Nova (PE), também no Sertão ? além de ter praticado outro assalto ao Banco do Brasil na cidade de Simões (PI).

Apreensão

Com os suspeitos os policiais apreenderam R$ 9,3 mil em dinheiro. Todo o dinheiro foi apresentado na Delegacia Seccional de Cabrobó. Eles devem prestar esclarecimentos ainda na manhã de hoje, e depois recolhidos à cadeia pública local, ficando à disposição da justiça.

Participaram da prisão as equipes da Malhas da Lei de Cabrobó e Petrolina, além de policiais militares do Núcleo de Inteligência do Sertão (NIS) 3 e 4, equipes do Gati de Petrolina e Rocam de Cabrobó.

Fonte: Riachao Net