Suzane acusa promotor de ter se apaixonado por ela

A detenta contou que, na primeira vez que esteve sozinha com o promotor, ele teria perguntado do que ela precisava

O promotor Eliseu José Berardo Gonçalves, da Vara de Execuções Penais de Ribeirão Preto (313 km de SP), está sendo investigado pela corregedoria do Ministério Público por assédio. Suzane von Richthofen, 25 anos, condenada em 2002 pelo assassinato dos pais, declarou a uma juíza que o promotor se apaixonou por ela.

De acordo com o depoimento de Suzane, o promotor teria se encontrado a sós com ela duas vezes em seu gabinete, enquanto ela estava na penitenciária de Ribeirão Preto.

A detenta contou que, na primeira vez que esteve sozinha com o promotor, ele teria perguntado do que ela precisava. A resposta, segundo a jovem, foi a de que ela queria ligar para uma amiga, e Gonçalves teria dito que ajudaria.

No segundo encontro, o promotor teria declarado seu amor, colocando inclusive uma trilha sonora romântica. Gonçalves nega as acusações e quer que Suzane prove na Justiça a veracidade do depoimento. O advogado de Suzane, Denivaldo Barni preferiu não comentar o assunto ontem.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br