Taxista é acusado de estuprar garota de 10 anos filha de sua ex

Taxista estaria se vingando de sua ex-mulher, segundo a polícia.

Um taxista identificado como Silvano Almeida Duarte, de 39 anos, foi preso acusado de estuprar uma garota de apenas 10 anos, filha de sua ex-companheira, na cidade de Manaus. De acordo com o delegado titular Rafael Allemand, responsável pelo caso, a a menina contou, em depoimento, que foi violentada dentro do carro do acusado.

“A criança informou que no dia do delito, por volta de 7h da manhã, caminhava com os irmãos para deixá-los na escola, duas crianças, de seis e sete anos, quando o autor apareceu e lhes ofereceu carona. As crianças aceitaram", revelou. 

Segundo o delegado, os irmãos da menina ficaram na escola e ela foi levada para  um local isolado, onde ocorreu os abusos sexuais. "Ele deixou os irmãos da vítima na escola e levou a menina para um lugar, em frente a uma fábrica localizada no bairro Zumbi, na zona Leste da cidade”, acrescentou. 

Rafael esclarece que o crime teria sido motivado por uma suposta vingança. "A mãe da vítima informou que, por ter tido um relacionamento com o autor, ele conhecia a rotina da família. A mulher alegou que, possivelmente, ele teria praticado o crime contra filha dela por vingança, já que o taxista não aceitava o fim do relacionamento”,  relatou. 

Silvano Almeida Duarte
Silvano Almeida Duarte




Fonte: Com informações do Portal do Holanda