Tiros são ouvidos no Alemão no quarto dia de ocupação da região

Tiros são ouvidos no Alemão no quarto dia de ocupação da região

Militares montaram barricada com sacos de areia; ninguém ficou ferido.

Uma rajada de tiros foi ouvida no início da madrugada desta quarta-feira (1º), no conjunto de favelas do Alemão, na Zona Norte do Rio. Os disparos teriam ocorrido numa das entradas da favela da Fazendinha. Ninguém ficou ferido.

Por medidas de precaução, soldados do Exército teriam colocado sacos de areia no acesso na Rua Dona Emília, no interior da favela para se proteger dos tiros. No restante da madrugada, até o início da manhã desta quarta-feira (1º) não houve mais incidentes.

Caminhão incendiado

Um homem foi preso e um menor de 17 anos detido como suspeitos de terem ateado fogo a um caminhão no final da noite de terça-feira (30), na Rua Marco Antônio Lima Chagas, no bairro Arsenal, em São Gonçalo, na Região Metropolitana. Ninguém ficou ferido.

Uma patrulha do 7º BPM (São Gonçalo) que fazia patrulhamento de rotina na RJ-106 abordou os dois suspeitos que estavam perto do local do incêndio. Com a dupla foi encontrada um revólver. O incêndio, segundo a PM, foi presenciado pelo filho do dono do caminhão, que reconheceu os dois na delegacia.

O caso foi registrado na 74ª DP (Alcântara). O caminhão ficou completamente destruído, segundo a polícia.

Foragido é preso no Alemão

Na mesma noite, policiais militares prenderam um suspeito no Conjunto de Favelas do Alemão, na Penha, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Militar, o homem foi preso em flagrante durante um patrulhamento na comunidade. Contra ele, há um mandado de prisão por roubo. Não houve tiroteios.

O suspeito, considerado foragido da Justiça, foi levado para a 21ªDP (Bonsucesso), onde a ocorrência está sendo registrada.

Preso na Vila Cruzeiro

Policiais do 41º BPM (Irajá) prenderam também na noite de terça André Luis Lima de Souza, conhecido como "André Neguinho", em uma casa na Vila Cruzeiro, na Penha, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Ao vasculhar a residência, os policiais encontraram no forro do teto da cozinha uma metraladora ponto 30 e 15 quilos de cocaína pura.

Segundo o tenente-coronel Alexandre Fontenelle, comandante do batalhão, André, que chegou a se apresentar como percussionista do grupo AfroReggae para tentar desviar a atenção da polícia, foi preso em flagrante e levado para a 22ª DP (Penha).

A assessoria do AfroReggae negou que ?André Neguinho? faça parte do corpo de percussionistas do grupo. Segundo o AfroReggae, o nome do suspeito não consta nos arquivos dos artistas.

Suposto chefe do tráfico preso na Zona Oeste

Mais cedo, uma denúncia anônima levou policiais do 27º BPM (Santa Cruz) a prenderem mais um suspeito de ser chefe do tráfico, desta vez, da Favela do Rola, em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio. Policiais checavam a informação de que criminosos do Conjunto de Favelas do Alemão e da Vila Cruzeiro, na Zona Norte do Rio, teriam fugido e se escondido na região e chegaram até Rafael Ribeiro da Silva, o Rafinha, de 29 anos.

Outros dois homens apontados como traficantes já tinham sido presos nesta terça: William Negão, da Cidade de Deus, e Daniel Papai, da Favela de Manguinhos. Rafinha chegou a trocar tiros com os policiais, mas acabou capturado. Com ele, foi encontrada uma pistola. A polícia não informou se ele tem ligação com traficantes do Alemão.

saiba mais

A prisão de William Paulino, de 31 anos, o William Negão, ocorreu em Senador Camará, tambén na Zona Oeste, nesta tarde. Policiais do 14º BPM (Bangu) receberam denúncia anônima e o encontraram em uma casa na Rua Ricardo do Pilar. Ele foi detido sem oferecer resistência à prisão, apesar de estar com um revólver. O caso foi registrado na 34ª DP (Bangu). Segundo os policiais, a prisão de William Negão não tem relação com as operações policiais e fuga de traficantes do Alemão.

Foragido em Niterói

Policiais da 6ª DP (Cidade Nova) conseguiram identificar e capturar, às 15h30 desta terça, Daniel Luiz Soares, o ?Daniel Papai?, 29 anos, suspeito de ser o chefe do tráfico da Favela de Manguinhos, no subúrbio do Rio. Segundo a polícia, ele era procurado por roubo de carro e tráfico de drogas e fugiu do Conjunto de Favelas do Alemão, de onde comandava o tráfico em Manguinhos, quando as forças de segurança começaram a movimentação na Vila Cruzeiro, na Penha, na Zona Norte do Rio.

A Polícia Civil informou que o criminoso estava escondido no bairro Maria Paula, próximo de Pendotiba, em Niterói. Baleado numa troca de tiros com a polícia ao tentar fugir, ele foi levado para o Hospital Azevedo Limai. De acordo com a polícia, ele não corre risco de morrer.

Fonte: g1, www.g1.com.br