Mulher tem olho perfurado por traficante na capital

Informações de familiares confirmam que a dona de casa era agredida constantemente e sofria maus tratos do esposo

Iara Marta Rodrigues, de 26 anos, foi brutalmente assassinada pelo companheiro conhecido por Wilson, nesta quarta-feira, 30. Ambos residiam no bairro Monte Alegre, zona norte de Teresina.

Informações de familiares confirmam que a dona de casa era agredida constantemente e sofria maus tratos do esposo, que é conhecido na região pelo envolvimento com drogas e com o tráfico.

As marcas das últimas agressões, pouco antes do assassinato, estão por todo o corpo. Iara, que deixou um filho de três anos, teve o corpo queimado em vários lugares com pontas de cigarros, o pescoço quebrado ao ser estrangulada e olho perfurado.

A mãe da vítima pede justiça e que a polícia coloque o bandido atrás das grades. ?A polícia mostrou que não está nem aí. Quando eu falei o nome dele, eles disseram que ele tinha muito dinheiro. Ele (o marido) tomou todos os celulares dela para que ela não ligasse para ninguém. Quando ela (a filha) ia fazer uma ligação, tinha que ser no viva-voz para ele ouvir tudo o que a dizia quando a gente falava com ela?.

Ao fazer as declarações, a mãe afirma temer pela segurança de toda a família. A gente tem medo porque se ele ameaçava ela, está ameaçando a gente também.



VEJA A REPORTAGEM

Fonte: Denison Duarte